Loading SEBRAE

Mais buscados: sei credito consultoria boas praticas empretec

Loading SEBRAE

Notícias

Turismo acessível no Sul do Estado

Evento em Arambaré incentiva negócios ligados ao segmento ecológico com foco em turistas com necessidades especiais

17/10/17

Da Redação

COMPARTILHE

Arambaré – A primeira trilha ecológica do Rio Grande do Sul totalmente adaptada para os turistas com deficiência visual já se tornou uma referência do segmento. Agora, chegou a hora das micro e pequenas empresas do Sul do Estado conhecerem algumas boas oportunidades junto ao projeto. Nos dias 18 e 19 de outubro, no Centro Cultural Inúbia (Avenida Costa Doce), vai acontecer o evento “Turismo Acessível da Região Sul – Arambaré – Bem- Estar e Inclusão: negócios lucrativos”. As inscrições podem ser realizadas por meio do e-mail reginacardona@interfaceospitalidade.com.br.

Turismo acessível para portadores de necessidades especiais representa oportunidade de negócios (Foto: Banco de Imagens)

Conforme os organizadores, que contam com o apoio do SEBRAE RS, toda a programação está voltada a debater e trocar ideias sobre o conceito de saúde e bem-estar, fomentando o ecoturismo e disseminando a cultura da valorização dos patrimônios natural e cultural na região. A gestora do projeto Costa Doce Natureza do SEBRAE RS, Jussara Cruz Argoud, comenta que o encontro em Arambaré é organizado pelo Grupo Gestor de Turismo do município e que se trata de expor aos participantes o potencial para que o roteiro acessível seja ainda mais atraente do ponto de vista de negócios.

“As micro e pequenas empresas dos segmentos de comércio, serviços, alimentos, hospedagem, entre outros, podem ter bons resultados a partir dessa segmentação de público. Afinal, os deficientes visuais e suas famílias compõem uma parcela da sociedade que também consome, se informa, se diverte e merece ter programações bem planejadas”, avalia.

Além do SEBRAE RS, a prefeitura de Arambaré e a EMATER estão à frente da iniciativa. De acordo com a consultora em turismo acessível Regina Cardona trata-se de uma inovação muito interessante para todos. “Arambaré está inovando com perspectivas para o futuro. O segmento de turismo acessível já teve ganhos com o lançamento da 1ª trilha para deficientes visuais do Estado, chamada Trilha dos Piquetes. Ela consiste em um trecho de 800 metros de percurso onde os turistas experimentam o caminho com o toque e o cheiro da vegetação. Há plantas como arumbevas, bromélias, butiazeiros, capororocas e outras espécies nativas. Todo o trajeto está sinalizado com placas explicativas e cordas-guia.

“Também neste ano formatamos uma Rota Turística Acessível (a qual inclui a praia acessível) para o município e o projeto está na Prefeitura aguardando recursos financeiros”, conta Regina. Uma curiosidade que chama a atenção é que o significado do nome Arambaré, na língua Guarani, é “sacerdote que espalha luz”. Diz a lenda: Os índios Arachãs escolheram essa terra porque aqui encontraram o “Bem-Viver”. “Arambaré encontrou no segmento de Turismo Acessível a relação entre o homem e o meio ambiente na busca do bem-estar”, explica a consultora.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

18 de Dezembro de 2017

Abertas as inscrições para a 10ª Edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

SAIBA MAIS

 

15 de Dezembro de 2017

Empresas da saúde conquistam resultados com projeto do Sebrae RS

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 15/12/2017 15:14

Palestra traz impactos de novo sistema para pequenas empresas

Sebrae RS Podcast 15/12/2017 11:48

Pizzaria se moderniza inspirada em poesia, com apoio do Sebrae