Loading SEBRAE

Mais buscados: sei credito consultoria boas praticas empretec

Loading SEBRAE

Startup

SmartCampo

Dos orgânicos à gestão: conheça startups focadas na agricultura

04/07/17
Debora Chagas

Debora Chagas

Coordenadora Estadual da Startups e Economia Digital do SEBRAE RS

COMPARTILHE
Os empreendedores Juliano de Campos e Victoria Fonseca, por exemplo, perceberam a oportunidade de usar a tecnologia para conectar produtores de orgânicos e consumidores

Se engana quem pensa que o setor rural não está atualizado com tecnologias de ponta e tirando proveito de softwares e aplicações para melhorar a produção. Essa é uma oportunidade para empresas que têm experiência no campo e ideias inovadoras.

A startup Ago é uma das empresas que têm pensado no setor. A Ago desenvolve um aplicativo para conectar agricultores que plantam orgânicos com compradores nas cidades. Os fundadores da empresa, Juliano de Campos e Victoria Fonseca, perceberam que há uma série de dificuldades para comprar os produtos na cidade, e que muitos dos alimentos oferecidos nas feiras acabam sendo desperdiçados.

– Nós gostamos muito de orgânicos, por isso queremos fazer a nossa parte. O produtor leva pra feira um pouco mais do que precisa para vender, visando não correr o risco de ficar sem, mas muito acaba indo fora quando não é vendido. Já o comprador, precisa ficar correndo atrás de lugares para comprar, o que não se encaixa com a lógica de vida nas metrópoles – explica Campos.

A empresa está em fase de captação de investimentos e recentemente foi vencedora do programa Startup Garagem da Incubadora Raiar da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). De acordo com os idealizadores, o retorno do público tem sido positivo. Alguns produtores já pensam em se dedicar apenas às entregas pelo app.

– A grande dificuldade dos compradores é encontrar orgânicos com preços justos. Quando você compra em um supermercado os valores estão muito maiores do que o produto vale. Vender direto do pequeno produtor faz com que ele seja mais valorizado – avalia Campos.

37_1312_gcomgind_economiadigital_startupscampo_840x415

Outro exemplo de tecnologia que tem ajudado os agricultores é a Aegro, uma plataforma de gestão da produção agrícola. O sistema não precisa necessariamente de conexão para funcionar, levando em consideração que muitos locais no interior do Brasil não têm acesso facilitado à internet de qualidade.

– Existem etapas a serem cumpridas nas horas certas e, quando isso não acontece, a propriedade começa a perder em produtividade. Criamos o Aegro para otimizar processos no campo, com foco na gestão financeira, de custos e lavoura – explicou o sócio da empresa Pedro Dusso à Revista Mais SEBRAE.

Saiba mais sobre softwares criados para ajudar os agricultores na edição de outubro da publicação.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Notícias

15 de Dezembro de 2017

Empresas da saúde conquistam resultados com projeto do Sebrae RS

SAIBA MAIS

 

14 de Dezembro de 2017

Sebrae RS disponibiliza conteúdo online gratuito

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 15/12/2017 15:14

Palestra traz impactos de novo sistema para pequenas empresas

Sebrae RS Podcast 15/12/2017 11:48

Pizzaria se moderniza inspirada em poesia, com apoio do Sebrae