Loading SEBRAE

Mais buscados: SEI credito consultoria boas praticas empretec

Loading SEBRAE

Notícias

SEBRAE/RS inicia projeto para microcervejarias

03/02/15

Da Redação

COMPARTILHE

A iniciativa tem como objetivo mapear o setor e desenvolver ferramentas de capacitação, que serão vetores de crescimento dos negócios

Da Redação

Setor de cervejarias têm crescido no Rio Grande do Sul (Foto: Banco de Imagens)

Porto Alegre – Para estimular um segmento ainda considerado novo no Brasil, o das cervejas artesanais, o SEBRAE/RS inicia, em 2015, o Projeto Desenvolver as Microcervejarias Artesanais do Rio Grande do Sul. Com 36 empresas selecionadas, a intenção é mapear o setor e desenvolver diversas ações para auxiliar os empreendedores a estruturar e crescer com negócios inovadores.

A primeira iniciativa da entidade voltada para os cervejeiros foi realizada em novembro de 2014. O Seminário Gaúcho de Gestão para Pequenas Cervejarias reuniu mais de 250 pessoas, entre empresários, produtores e interessados no assunto. De acordo com a gestora do SEBRAE/RS, Francine Oliveira Danigno, o projeto foi apresentado durante o encontro e os empreendedores rapidamente demonstraram interesse. “No mesmo dia recebemos muitos termos de adesão. É um setor novo ainda, carente de pesquisa e ações de desenvolvimento, entre elas capacitações e planejamento estratégico”, disse.

No período de abrangência do projeto, que tem duração de um ano, será realizado um mapeamento de toda a cadeia produtiva, bem como definir as ações para estimular o setor. “Trata-se de um marco porque não temos nada tão específico e nem tão abrangente”, ressalta a gestora, contando que serão atendidas microcervejarias das regiões Metropolitana, Vale dos Sinos, Serra e Centro. Serão promovidos cursos e oficinas nas áreas de gestão, incluindo marketing e finanças, consultorias tecnológicas do Sebraetec com subsídio de 80%, além de estimular a troca de experiências e as ações cooperadas.

Instalada no polo cervejeiro do bairro Anchieta, em Porto Alegre, um modelo operacional que reúne 10 empreendimentos e que facilita o trabalho em diversos aspectos, a Microcervejaria Seasons atua no mercado há cinco anos. O sócio fundador, Leonardo Sewald, conta que “o grupo surgiu a partir da reunião de amigos que produziam cerveja em casa. Vemos um ao outro não como concorrentes, mas como parceiros”. Marcado pela vontade de inovar, em sociedade com a esposa Caroline, a Seasons nasceu influenciada pela escola americana, em um período em que cerveja no Brasil era marcada pelas características germânicas. “Fomos responsáveis por popularizar o tipo American IPA (India Pale Ale) no Brasil”, ressalta.

Como toda inovação não foi fácil colocar a bebida no gosto dos consumidores. Durante seis meses, Sewald percorreu bares e restaurantes mostrando o produto aos proprietários. E ideia deu certo. A produção inicial de 700 litros/mês chegou aos atuais 20 mil litros/mês e conta com cinco funcionários. “Assim como o trabalho no polo, o projeto do SEBRAE/RS vai contribuir para a profissionalização e o aprimoramento da gestão como indústria. Muitos nascem no negócio como amantes da cerveja, sem a base administrativa necessária, então será muito positivo”, afirma.

Em Santa Maria, na Região Centro, o empresário Vinícius Strazzabosco Roveda produz cerveja há dois anos, porém para consumo próprio. A ideia de formalizar o negócio surgiu depois de um período de degustação com amigos. “Meu sócio e eu sempre viajamos muito, e percebemos que havia um movimento crescente de produtores. Então começamos a produzir em panelas, e durante um ano pessoas próximas experimentaram a bebida”, conta ele.

O próximo passo foi registrar o negócio, para iniciar produção maior e pensar na comercialização. “Estamos em processo de alvará para a venda da cerveja, mas já estamos estruturando a fábrica. Adquirimos máquinas que serão responsáveis pela produção de 3,5 mil litros/mês”, ressalta. Além disso, Strazzabosco também acredita que o SEBRAE/RS vai contribuir para a profissionalização do setor. “Vai auxiliar na expansão como um todo”, afirmou, considerando, também, o aspecto da cooperação. “Aqui na região não temos muitas indústrias produtoras, então a ideia é terceirizar o meu espaço para quem está começando”, finaliza.

Empresas selecionadas:

  • Al Capone
  • Anner
  • Babel Cervejaria
  • Baita Bier
  • Baldhead Cervejas Especiais
  • Barco
  • Brassaria Pavos
  • Cervejaria Alenda Weisse
  • Cervejaria do Farol
  • Cervejaria Coruja
  • Cervejaria Edelbrau
  • Cervejaria Farrapos
  • Cervejaria Fil
  • Cervejaria Heilige
  • Cervejaria Horst & Biermann
  • Cervejaria Lagom
  • Cervejaria Maniba
  • Cervejaria Maria Santa
  • Cervejaria Oito
  • Cervejaria Solerun
  • Cervejaria Távora
  • Cervejaria Terapia
  • Cervejaria Tupiniquim
  • Coopenatural
  • Diefen Bier
  • Gram Bier
  • Hess Brew
  • Hugelbrau
  • Malvadeza
  • Micro Cervejaria Zapata
  • Microcervejaria Irmãos Ferraro
  • Old Captain
  • Portoalegrense
  • Republica da Cerveja
  • Rush Beer
  • Seasons
COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

23 de Outubro de 2017

Oportunidades de negócios para empresas do setor de energia

SAIBA MAIS

 

20 de Outubro de 2017

Turismo impulsiona o desenvolvimento de Morro Redondo

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 23/10/2017 10:55

Evento em Lajeado apresenta vantagens da Junta Digital

Sebrae RS Podcast 20/10/2017 12:01

Seminário Crescer Sem Medo debate mudanças do Simples Nacional