Loading SEBRAE

Mais buscados: Sei Consultoria Credito Boas praticas Empretec

Loading SEBRAE

Notícias

Projetos Coletivos Setoriais já contam com 383 MPEs inscritas

08/01/13

Da Redação

COMPARTILHE

Programas voltados ao agronegócio são os mais procurados pelos empreendedores

Da Redação

Sebrae/RS está oferecendo 20 projetos em todo o Estado (Foto: Banco de Imagens)

Porto Alegre – Com inscrições abertas em dezembro, os Projetos Coletivos Setoriais, desenvolvidos pelo Sebrae/RS, já receberam a inscrição de 383 micro e pequenas empresas (MPEs) candidatas. Ao todo, são oferecidos 20 projetos distribuídos por todas as regiões do Rio Grande do Sul: dez no setor do agronegócio; oito em comércio e serviços; e dois na indústria. As interessadas podem participar da seleção da chamada pública até o fevereiro, através do site www.sebrae-rs.com.br.

Os projetos voltados à cadeia produtiva agrícola são os mais procurados pelos empreendedores. Com o objetivo de promover o desenvolvimento sustentável das propriedades rurais participantes através de intervenção técnica, respeitando os preceitos econômicos, sociais e ambientais, as ações contam com atividades teóricas e práticas. Mais de 600 empresas do segmento, espalhadas pelo Estado, já receberam orientações do Sebrae/RS e hoje possuem boas práticas de produção e melhoria na qualidade de seus produtos.

A qualificação também tem sido uma busca frequente dos profissionais da beleza. Só na região metropolitana de Porto Alegre, mais de 50 proprietários – até o momento – de salão de beleza e estética estão decididos a aperfeiçoar seus negócios. Através de qualificação em gestão e inovação, treinamentos, palestras, oficinas e assessoriais, o projeto “Qualificar os Profissionais da Beleza” pretende aumentar a lucratividade e a carteira de clientes das MPEs participantes.

De acordo com o presidente do Sebrae/RS, Vitor Augusto Koch, a contrapartida financeira da instituição na iniciativa supera R$ 14 milhões, sendo que a execução dos projetos leva, em média, dois anos. “Estamos congregando forças para as empresas de pequeno porte alcançarem resultados positivos de forma mais rápida e eficiente em seus negócios. Abrindo caminho para o futuro”, afirma, justificando o investimento. Por setor, os recursos estão divididos em R$ 1,8 milhão para a indústria, R$ 2,7 milhões para o agronegócio e R$ 9,8 milhões para o comércio e serviços.

Segundo Koch, os valores serão utilizados para capacitações e consultorias em gestão; promoção de acesso a mercados – participação em feiras, visitas técnicas e rodadas de negócios; incentivo à inovação; cursos e palestras; e orientações para acesso ao crédito.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

22 de Setembro de 2017

Salão da Inovação será destaque na Mercopar

SAIBA MAIS

 

21 de Setembro de 2017

Doces de Pelotas no cardápio da 25ª Avaliação Nacional de Vinhos

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 22/09/2017 09:32

Doces de Pelotas serão servidos na Avaliação Nacional de Vinhos

Sebrae RS Podcast 21/09/2017 11:32

Encontro em Santa Maria busca soluções digitais para a educação