Loading SEBRAE

Mais buscados: Sei Credito mei Consultoria Boas Praticas

Loading SEBRAE

Notícias

Não-Me-Toque implementa a Lei Geral

06/10/15

Da Redação

COMPARTILHE

Com a medida, o município já direciona parte das compras governamentais para licitações exclusivas com micro e pequenas empresas

Da Redação

Lei Geral é uma realidade em Não-Me-Toque (Foto: Divulgação)

Não-Me-Toque – A implementação da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas em Não-Me-Toque já está resultando em ações para incentivar o empreendedorismo. Com a adesão, a Prefeitura executou licitações exclusivas, nomeou dois agentes de desenvolvimento e projeta a abertura da Sala do Empreendedor.

Poder público e SEBRAE/RS estão juntos para desenvolver novos negócios no município. Conforme conta o técnico da regional Planalto da entidade Patric Cunha Strapazzon “a Prefeitura já compra das micro e pequenas empresas por meio das licitações exclusivas. O diferencial do município é que existem dois agentes de desenvolvimento nomeados”, conta.

Com o diagnóstico de implementação da Lei Geral, foi apurado que 44% das compras do município são realizadas com os pequenos negócios. Além disso, o município unificou a entrada de documentos e dados para a abertura, alteração e baixa de empresas. Em Não-Me-Toque, a desburocratização também é destaque, visto que a liberação de alvarás, para atividades de baixo risco, ocorre entre um e cinco dias úteis.

Agente de desenvolvimento nomeada pela prefeitura, Jaqueline Dreyer conta que ela e o também agente Roberto Barbosa concluíram um ciclo de capacitações para exercer a atividade. “Foi o primeiro curso avançado. Também estive em um encontro com outros agentes, que foi importante para entendermos e planejarmos atividades”, disse.

O projeto da Sala do Empreendedor, espaço que centraliza a entrada de documentos, ainda não tem data definida de inauguração. As atividades serão concentradas na Secretaria de Desenvolvimento. “Os futuros empresários nos procuram e informamos quais documentos eles precisam. Com isso nós providenciamos a entrada dos papéis, para evitar que ele circule por locais diferentes”, detalha. Para ela, o objetivo é “ser um elo entre o empreendedor e os órgãos responsáveis, desburocratizando ao máximo”, finaliza.

Sobre a Lei Geral das MPEs

A Lei 123/2006 oportuniza uma série de benefícios para os pequenos negócios, sobretudo na geração de emprego e renda e no fortalecimento das micro e pequenas empresas. A lei já foi implementada em 209 cidades gaúchas, sendo 37 em 2015. A meta é alcançar 50 novas implantações só este ano.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

18 de Abril de 2018

Sebrae RS promove rodada de negócios na 13ª Envase Brasil

SAIBA MAIS

 

18 de Abril de 2018

Sala do Empreendedor de Torres estipula metas para diminuir burocracia

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 17/04/2018 17:07

Sebrae lança projeto para apoiar MPEs na área da saúde

Sebrae RS Podcast 16/04/2018 16:45

Missão empresarial participa de feira industrial Alemanha