Loading SEBRAE

Mais buscados: sei Credito Consultoria BOAS PRATICAS Empretec

Loading SEBRAE

Moveleiro

Produção conectada

Integração entre projeto e produção de móveis

10/10/17
Andrei Carletto

Andrei Carletto

Gerência de Indústria, Comércio e Serviços

COMPARTILHE
Sistema de conexão entre projeto e produção proporciona benefícios como dinamismo, agilidade no processo e redução de custos e tempos de produção

Entre os grandes desafios enfrentados no dia-a-dia pelas empresas de móveis, estão os processos artesanais e a alta dependência de mão-de-obra especializada, o que torna seus processos morosos e, muitas vezes, eleva o custo operacional dessas empresas.

Com a evolução dos processos produtivos e a crescente automação dos maquinários nos últimos anos, torna-se possível revolucionar a fabricação de móveis nas pequenas empresas, por meio de uma produção conectada e inteligente, que integre projeto e processo produtivo.

A chamada produção conectada é realizada com o uso de softwares já disponíveis no mercado, que realizam a integração de forma eficiente entre o projeto realizado por um arquiteto, designer, projetista ou lojista, e o maquinário existente na produção da empresa. Sua implementação depende, obviamente, da capacidade de integração desse maquinário e da parametrização das informações, ou seja, de como serão conduzidos os processos, suas limitações e o gerenciamento eficaz do processo como um todo.

Uma vez realizado o projeto, dispõe-se de informações suficientes para geração de dados, como orçamento, lista de peças, acessórios, ferragens, custo do produto etc. Iniciada a produção, o projeto é integrado com o plano de corte ideal, a fim de reduzir desperdícios e otimizar o processo, e com os processos sequenciais, sejam de corte, usinagem, furação, borda, embalagem e expedição.

A implementação de um sistema de produção conectada possibilita dinamismo em todas as fases do processo, por conta da rapidez e da exatidão nas informações para fabricação dos móveis, com menor uso de mão-de-obra, padronização de processos, aumento da qualidade final dos produtos, e consequentemente, uma prestação de serviço mais ágil, já que há redução dos tempos de produção, simplificação e organização dos processos e confiabilidade nas informações para produção e formação do preço de venda junto ao consumidor.

Gostou deste artigo? Quer saber mais sobre Produção?

Acesse o Curso Despertando para o Lean

 

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Notícias

20 de Outubro de 2017

Turismo impulsiona o desenvolvimento de Morro Redondo

SAIBA MAIS

 

20 de Outubro de 2017

Seminário sobre a Junta Digital ocorre em Lajeado

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 20/10/2017 12:01

Seminário Crescer Sem Medo debate mudanças do Simples Nacional

Sebrae RS Podcast 18/10/2017 16:36

Projeto Costa Doce Natureza promove rodada de negócios