Loading SEBRAE

Mais buscados: sei credito consultoria boas praticas EMpretec

Loading SEBRAE

Notícias

Lei Geral das MPEs está implementada em Pedro Osório

12/06/13

Da Redação

COMPARTILHE

Em todo o RS, 81 municípios já tiraram o texto do papel

Da Redação

Pedro Osório – A Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas é uma realidade em Pedro Osório, município de 7 mil habitantes localizado na região Sul do Estado. Desde 2009, quando o texto da Lei foi aprovado na cidade, a administração pública tem trabalhado com êxito nos quatro capítulos da legislação: compras governamentais, desburocratização, Microempreendedor Individual (MEI) e Agentes de Desenvolvimento. Em todo o Rio Grande do Sul, a Lei Geral já é uma realidade em 81 cidades. De acordo com o presidente do SEBRAE/RS, Vitor Augusto Koch, a Lei Geral promove a melhoria de vida das pessoas, na medida em que fomenta o desenvolvimento das empresas já existentes e incentiva a criação de outros pequenos negócios.

Entre as evidências que comprovam que as empresas de micro e pequeno porte são prioridade em Pedro Osório está a realização de licitações exclusivas para micro e pequenas empresas nas contratações cujo valor seja de até R$ 80 mil. A prefeitura também efetua o pagamento das empresas vencedoras em até 30 dias após a liquidação. Para desburocratizar o processo de abertura de empresas no município, a prefeitura facilita a concessão de alvarás de funcionamento em áreas desprovidas de regulação fundiária legal ou com regulamentação precária.

Os Microempreendedores Individuais – profissionais que trabalham por conta própria, com rendimento anual de até R$ 60 mil – também estão na agenda de prioridade do município, onde a prefeitura mantém a cobrança do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) para MEIs que trabalham na própria residência. Além disso, Pedro Osório conta com a figura do Agente de Desenvolvimento Local, um profissional que auxilia no processo de implementação e continuidade dos programas e projetos, em parceria com o poder público e as lideranças do setor privado.

De acordo com o prefeito de Pedro Osório e presidente da Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul), Cézar Roberto Couto de Britto, ao tornar a Lei Geral uma realidade no município, está se criando um ambiente mais favorável para o desenvolvimento das empresas de micro e pequeno porte. “As Micro e pequenas empresas representam cerca de 98% dos empreendimentos da nossa cidade. Por isso, ao estimular o desenvolvimento delas, estamos ajudando a desenvolver a economia do município como um todo”, analisa.

Pedro Osório é um dos 25 municípios atendidos pelo Programa Territórios da Cidadania, do SEBRAE, na região Sul do Estado. Através da iniciativa, os empresários da cidade puderam participar gratuitamente de dezenas de capacitações e assessorias sobre gestão, conforme explica a gestora do Programa pelo SEBRAE/RS, Tangriane Forest. “Ao qualificar os empresários, o SEBRAE/RS busca melhorar promover a economia local e, consequentemente, promover o desenvolvimento da região”, detalha. Os municípios que compõem os Territórios da Cidadania foram escolhidos pelo Governo Federal e atendem critérios com baixa dinamicidade econômica.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

18 de Dezembro de 2017

Abertas as inscrições para a 10ª Edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

SAIBA MAIS

 

15 de Dezembro de 2017

Empresas da saúde conquistam resultados com projeto do Sebrae RS

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 15/12/2017 15:14

Palestra traz impactos de novo sistema para pequenas empresas

Sebrae RS Podcast 15/12/2017 11:48

Pizzaria se moderniza inspirada em poesia, com apoio do Sebrae