Loading SEBRAE

Mais buscados: sei consultoria Credito Boas Praticas Empretec

Loading SEBRAE

Notícias

Lei Geral das MPEs está implementada em Pedro Osório

12/06/13

Da Redação

COMPARTILHE

Em todo o RS, 81 municípios já tiraram o texto do papel

Da Redação

Pedro Osório – A Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas é uma realidade em Pedro Osório, município de 7 mil habitantes localizado na região Sul do Estado. Desde 2009, quando o texto da Lei foi aprovado na cidade, a administração pública tem trabalhado com êxito nos quatro capítulos da legislação: compras governamentais, desburocratização, Microempreendedor Individual (MEI) e Agentes de Desenvolvimento. Em todo o Rio Grande do Sul, a Lei Geral já é uma realidade em 81 cidades. De acordo com o presidente do SEBRAE/RS, Vitor Augusto Koch, a Lei Geral promove a melhoria de vida das pessoas, na medida em que fomenta o desenvolvimento das empresas já existentes e incentiva a criação de outros pequenos negócios.

Entre as evidências que comprovam que as empresas de micro e pequeno porte são prioridade em Pedro Osório está a realização de licitações exclusivas para micro e pequenas empresas nas contratações cujo valor seja de até R$ 80 mil. A prefeitura também efetua o pagamento das empresas vencedoras em até 30 dias após a liquidação. Para desburocratizar o processo de abertura de empresas no município, a prefeitura facilita a concessão de alvarás de funcionamento em áreas desprovidas de regulação fundiária legal ou com regulamentação precária.

Os Microempreendedores Individuais – profissionais que trabalham por conta própria, com rendimento anual de até R$ 60 mil – também estão na agenda de prioridade do município, onde a prefeitura mantém a cobrança do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) para MEIs que trabalham na própria residência. Além disso, Pedro Osório conta com a figura do Agente de Desenvolvimento Local, um profissional que auxilia no processo de implementação e continuidade dos programas e projetos, em parceria com o poder público e as lideranças do setor privado.

De acordo com o prefeito de Pedro Osório e presidente da Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul), Cézar Roberto Couto de Britto, ao tornar a Lei Geral uma realidade no município, está se criando um ambiente mais favorável para o desenvolvimento das empresas de micro e pequeno porte. “As Micro e pequenas empresas representam cerca de 98% dos empreendimentos da nossa cidade. Por isso, ao estimular o desenvolvimento delas, estamos ajudando a desenvolver a economia do município como um todo”, analisa.

Pedro Osório é um dos 25 municípios atendidos pelo Programa Territórios da Cidadania, do SEBRAE, na região Sul do Estado. Através da iniciativa, os empresários da cidade puderam participar gratuitamente de dezenas de capacitações e assessorias sobre gestão, conforme explica a gestora do Programa pelo SEBRAE/RS, Tangriane Forest. “Ao qualificar os empresários, o SEBRAE/RS busca melhorar promover a economia local e, consequentemente, promover o desenvolvimento da região”, detalha. Os municípios que compõem os Territórios da Cidadania foram escolhidos pelo Governo Federal e atendem critérios com baixa dinamicidade econômica.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

22 de Setembro de 2017

Salão da Inovação será destaque na Mercopar

SAIBA MAIS

 

21 de Setembro de 2017

Doces de Pelotas no cardápio da 25ª Avaliação Nacional de Vinhos

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 22/09/2017 09:32

Doces de Pelotas serão servidos na Avaliação Nacional de Vinhos

Sebrae RS Podcast 21/09/2017 11:32

Encontro em Santa Maria busca soluções digitais para a educação