Loading SEBRAE

Mais buscados: sei consultoria credito Boas praticas EMpretec

Loading SEBRAE

Notícias

Fruticultores da Região Norte organizam propriedades para combater desperdícios

16/07/15

Da Redação

COMPARTILHE

Programa D’Olho na Qualidade Rural é desenvolvido através do Juntos para Competir

Da Redação

Ações do Programa Juntos para Competir incentivam a qualidade (Foto: Divulgação)

O programa D’Olho na Qualidade Rural finalizou atividades em dois municípios da região Norte do Estado, dentro das ações do projeto coletivo Desenvolver a Fruticultura no Médio Alto Uruguai, operado pelo Programa Juntos para Competir (FARSUL, SENAR-RS e SEBRAE/RS). Fruticultores de Planalto e Ametista do Sul concluíram capacitações e consultorias com o objetivo de organizar as propriedades. A próxima localidade a participar será Alpestre. A iniciativa é uma parceria entre as entidades com as prefeituras municipais e a Emater/RS.

Conforme explica o técnico da Regional Norte do SEBRAE/RS, Ronaldo Dario Kloeckner, o programa tem como meta difundir a cultura do 5S nas propriedades rurais, combatendo o desperdício, otimizando os recursos e melhorando a qualidade de vida no campo, sempre respeitando o meio ambiente. “O processo, que dura dois meses, por meio de cursos e atendimentos individuais, organiza os locais de trabalho, eliminando materiais e promovendo ordem nos processos, o que acaba melhorando inclusive a autoestima e a motivação do produtor”, conta.

São seis módulos de atuação: sensibilização, para explicação dos métodos; descarte, que identifica o que não é mais necessário; organização, para definir objetos e lugares corretos para acomodação; limpeza dos ambientes; higiene, com foco na saúde; e ordem mantida, em que será verificada a aplicação dos itens anteriores e sua garantia de continuidade futura. “Com essa etapa, o projeto de fruticultura pretende organizar as propriedades para dar sequência às ações que irão trabalhar qualidade de processos e de produtos, logo que serão três anos de projeto”, explica Kloeckner.

Enio Luiz Refosco, morador de Planalto, conta que o curso foi de grande importância para o seu trabalho. Produtor basicamente de figo, cuja safra é comercializada em municípios como Pelotas e São Sebastião do Caí, destacou que a ordenação representou uma nova etapa de trabalho. “Havia muita coisa acumulada, algumas há 20 anos, por conta de nossas tradições. A organização disso tudo deixou a propriedade mais bonita e funcional”, relata.

O supervisor regional do SENAR-RS, Diego Coimbra, ressalta que o D’Olho na Qualidade Rural é uma primeira iniciativa para estimular a gestão das propriedades. “A negociação iniciou no ano passado com as prefeituras e a Emater/RS, após definirmos as localidades que produzem figo, uva e laranja na região. Em uma primeira visita eles relataram queda na produtividade. Então, nosso papel foi apresentar soluções para auxiliar”, disse. Na sequência, os produtores terão novas capacitações, como a de finanças. “Depois desse primeiro trabalho, mostrar a importância da organização financeira, controlando o que entra de receitas e o que eles gastam, é fundamental. Eles precisam ter a propriedade na mão”, finaliza Coimbra.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

16 de Agosto de 2017

Inovações para a indústria do leite e derivados serão apresentadas no Salão do Empreendedor

SAIBA MAIS

 

16 de Agosto de 2017

SEBRAE RS promove palestra online sobre como vender mais através do BNDES

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 15/08/2017 10:40

Aprenda a usar o WhatsApp como ferramenta de marketing

Sebrae RS Podcast 14/08/2017 14:30

Sebrae promove sessão de crédito e negócios em Uruguaiana