Loading SEBRAE

Mais buscados: sei credito Consultoria boas praticas Empretec

Loading SEBRAE

Notícias

Empresa gaúcha desenvolve dispositivo que reduz consumo de água

Startup foi vencedora do desafio Sebrae Like a Boss 1 UP

01/11/17

Da Redação

COMPARTILHE

São Paulo – A startup Piipee, de Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul, é a vencedora do desafio Sebrae Like a Boss 1 UP, competição realizada em diversas etapas, desde a Campus Party São Paulo, no início do ano, até a final de sexta-feira (27) na capital paulista. O prêmio foi entregue pela diretora técnica do Sebrae, Heloisa Menezes. “A premiação tem o objetivo de destacar as propostas apresentadas pelas startups, mas também representa a coroação de um trabalho que foi desenvolvido ao longo de todo o ano pelo Sebrae com todas as empresas participantes”, ressaltou.

O sistema desenvolvido reduz em até 80% o consumo de água nas bacias sanitárias (Foto: SEBRAE/RS)

Startups de todo Brasil se enfrentaram nos 26 e 27 de outubro (quinta e sexta-feira), na final do desafio Sebrae Like a Boss 1 UP, que ocorreu durante a Conferência Anual de Startups e Empreendedorismo (CASE), maior evento do segmento da América Latina. Foram três rounds diferentes de disputa, sendo um no primeiro dia e dois, no segundo.

Na sexta-feira se apresentaram os oito finalistas da competição: Diagene, Autaza, Ranky My App, SDW, ContruCode, O Amor é Simples, SolidarEasy e a vencedora, Piipee. A startup gaúcha desenvolveu um sistema que reduz em até 80% o consumo de água nas bacias sanitárias. O produto possui um dispenser que é acoplado próximo ao vaso sanitário. Quando o usuário usar a bacia, não deve acionar a descarga, mas sim o dispositivo, que libera um líquido. O líquido é uma solução biodegradável, ecologicamente correta, que trabalha nas características físico-químicas da urina, economizando a água da descarga.

“A conta total água pode ser reduzida em até 30% com o dispositivo. Além da questão ambiental, também pode representar uma grande economia nos custos de um condomínio ou de uma empresa”, afirmou o CEO e fundador da Piipee, Ezequiel Vedana. “Vencer uma competição tão importante como o Like I Boss1 UP certamente traz mais visibilidade para a empresa e nos dará impulso em nossos próximos passos”, disse Vedana, que já projeta o crescimento da empresa, que tem atualmente 400 clientes, no curto prazo. Em 2018, a startup tem planos de abrir um escritório na capital paulista, visando buscar mais clientes no mercado brasileiro e também iniciar o processo de internacionalização.

A banca avaliadora contou com a presença de investidores e especialistas no setor, o que representa uma boa oportunidade de validação das ideias, projetos e empresas que chegaram à final. Em todas as etapas que antecederam a final, todos os participantes tiveram acesso a mentorias e orientações do Sebrae.

As finalistas que se apresentaram na capital paulista foram selecionadas em um total de quatro eliminatórias em 2017, envolvendo 150 startups. Além dos competidores do desafio, o Sebrae levou mais de 650 empresários, de todo o país, para o CASE, em apoio ao evento promovido pela ABStartups.

O Like a Boss 1 Up atua junto a jovens empreendedores, oferecendo inovação, orientação e consultoria que impactam positivamente a vida das empresas participantes. Para os empresários, representa a chance de sair do evento com um aporte financeiro destinado a alavancar o negócio. Portanto, o Sebrae atua na pré-aceleração do empreendedor e seu negócio e na potencialização de conexões para fortalecer o ecossistema das startups no país, formado também por investidores, aceleradoras e instituições de fomento.

As finalistas que se apresentaram na capital paulista foram selecionadas em um total de quatro eliminatórias em 2017, envolvendo 150 startups. Além dos competidores do desafio, o Sebrae de 650 empresários, de todo o país, para o CASE, evento promovido pela ABStartups, com o apoio do Sebrae. Ao todo, foram mais de 10 mil participantes durante os dois dias de evento.

Estande
O Sebrae também marcou presença no CASE com um estande onde os participantes tiveram acesso a uma série de atividades com conteúdos destinados ao empreendedorismo e inovação nos pequenos negócios. As atividades incluíram apresentações de painéis, palestras, vivências e troca de experiências.

De acordo com Heloisa Menezes, a participação no CASE mostra mais uma vez a importância que a instituição está dando ao apoio no desenvolvimento das startups brasileiras. “O papel do Sebrae tem sido cada vez mais reconhecido dentro do ecossistema do setor”, ressaltou.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

22 de Fevereiro de 2018

Projeto Loja na Moda retoma atividades em Santa Maria

SAIBA MAIS

 

22 de Fevereiro de 2018

NRF 2018 será tema de série de palestras online do Sebrae RS

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 16/02/2018 11:12

Conexão da Moda tem inscrições abertas para lojas do setor

Sebrae RS Podcast 15/02/2018 11:05

Projeto busca aproximação entre varejo e indústria de moda no RS