Loading SEBRAE

Mais buscados: sei credito consultoria boas praticas EMpretec

Loading SEBRAE

Notícias

Empreendedores melhoram as condições de seus negócios

03/12/12

Da Redação

COMPARTILHE

Programa de qualificação do Sebrae/RS capacitou 35 Microempreendedores Individuais de Bento Gonçalves

Da Redação
A parceria do Sebrae/RS, através do projeto Atender Empreendedores na Região Serra Gaúcha, com a Prefeitura de Bento Gonçalves, tem gerado resultados positivos. É o que mostra o programa de qualificação da instituição que, depois de três meses de duração, já capacitou 35 Microempreendedores Individuais (MEIs) do município em diversas áreas da administração do negócio. 
 
Através da iniciativa, os empreendedores tiveram a oportunidade de aperfeiçoar a gestão dos seus negócios. Marketing, controle financeiro e formação de preço de venda foram alguns dos temas das capacitações que, além de qualificar, permitiram a troca de experiências e informações entre os participantes e, consequentemente, o fortalecimento da rede de contatos dos MEIs e a abertura de portas para possíveis parcerias.
 
“Oferecemos essa série de capacitações para melhorar as condições das micro e pequenas empresas de Bento Gonçalves e reforçar, através de ações que também apoiam a sustentabilidade, o seu potencial”, explica a técnica do Sebrae/RS Tamara Piazzetta. Para identificar as soluções adequadas para cada negócio, a instituição realizou uma pesquisa para a verificação do perfil dos MEIs integrantes do grupo. Foram três meses de cursos práticos e teóricos, consultorias de vendas, assessorias individuais e de marketing, pesquisas e avaliação de indicadores. 
 
A empreendedora Duana da Silva é uma das 35 contempladas com a ação do Sebrae/RS, em parceria com o poder público da cidade. Prestes a abrir um mercado de bairro, ela achou na instituição o que tanto procurava: preparação. “Não tinha noção de como gerenciar um negócio. Depois da capacitação do Sebrae, posso dizer que sei tudo. Aprendi, passo a passo, como me organizar em relação ao atendimento, estoque, fluxo de caixa e, também, definir preços”, comemora. 
 
 
Microempreendedor Individual
O MEI é um empresário que atua em funções como pedreiro, carpinteiro, manicure, cabeleireiro, entre outros, de forma legalizada. Para fazer parte desse grupo é necessário faturar, no máximo, R$ 60 mil por ano e não ter participação em outra empresa como sócio ou titular e ter um empregado contratado que receba salário mínimo ou o piso da categoria. 
 
Para o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/RS, Vitor Augusto Koch, os microempreendedores individuas são indispensáveis para a economia: “Atualmente, existem 2,9 milhões de MEIs formalizados no Brasil. Para atendê-los, o Sebrae procura proporcionar benefícios para que esse trabalhador continue operando de forma legal e com os benefícios que lhes são de direito para fortalecer a competitividade de diversos segmentos do mercado”, explica.
COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

23 de Outubro de 2017

Oportunidades de negócios para empresas do setor de energia

SAIBA MAIS

 

20 de Outubro de 2017

Turismo impulsiona o desenvolvimento de Morro Redondo

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 23/10/2017 10:55

Evento em Lajeado apresenta vantagens da Junta Digital

Sebrae RS Podcast 20/10/2017 12:01

Seminário Crescer Sem Medo debate mudanças do Simples Nacional