Loading SEBRAE

Mais buscados: sei credito consultoria boas praticas EMpretec

Loading SEBRAE

Ambiente de Negócios

Políticas

de Desenvolvimento Implantadas

Depois de quatro anos trabalhando com a implementação da Lei Geral, o Sistema SEBRAE conseguiu reunir elementos que mostram a importância do protagonismo local para o desenvolvimento. Apenas quando os atores locais se envolvem nos processos é possível implementar mudanças e dar sustentabilidade às conquistas. Dos vários entes participantes desse processo, a gestão pública municipal é uma das mais importantes, por isso é necessário que ela se aproprie dos elementos disponíveis para transformar as políticas de desenvolvimento em prioridades.

A nova fase de trabalho do Sistema SEBRAE com a gestão pública municipal busca o fortalecimento de um conjunto de ações em prol dos pequenos negócios, considerados os propulsores do desenvolvimento local. Entende-se que o percurso para a mudança de cultura e de internalização dos processos é longo, mas é preciso enfatizar sua importância para que os avanços conquistados até aqui não sejam perdidos.

O conjunto de iniciativas propostas pelo Indicador de Políticas de Desenvolvimento Implantadas é uma ampliação dos benefícios tratados pela Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas. O indicador apresenta uma combinação de políticas e de ações que estão relacionadas à decisão municipal de transformar a realidade e a qualidade de seus ambientes de negócios.

Os eixos escolhidos estão relacionados ao resultado possível para os pequenos negócios proporcionado pela implantação de medidas pelas prefeituras. Foram escolhidos eixos relacionados a mercado, facilidade de relacionamento com o poder público, desburocratização, governança e planejamento. O desafio é fazer com que os empresários percebam as oportunidades existentes em seus municípios, entendam as regras impostas e identifiquem, na gestão pública, um importante aliado para seu desenvolvimento.  Os quatro eixos (Atores do Desenvolvimento, Compras Públicas, RedeSimples e Sala do Empreendedor) foram escolhidos por serem partes importantes do ambiente de negócios, representarem pontos fundamentais para o empresário, serem de responsabilidade dos municípios e ampliarem as oportunidades de crescimento do empreendedorismo em todo país.

A intenção é mostrar a evolução do trabalho no ambiente de negócios municipal. Apresentar formas de ampliar os estímulos aos pequenos negócios se desenvolverem e, dessa maneira, alinhar ferramentas e estratégias que instiguem a maior participação na economia das empresas. Ao implementar os quatro eixos da Lei Geral que foram escolhidos pelo indicador anterior, os municípios conseguiram dar um passo na direção de fomentar o investimento dos pequenos negócios.

Municípios 2016 (*Ações em andamento)

  1. Alegrete
  2. Bagé*
  3. Bento Gonçalves
  4. Camaquã
  5. Carazinho*
  6. Erechim
  7. Farroupilha
  8. Horizontina
  9. Lajeado
  10. Marau
  11. Nova Santa Rita*
  12. Porto Alegre*
  13. Restinga Seca
  14. Ronda Alta*
  15. Santa Rosa*
  16. Santiago
  17. São Leopoldo*
  18. São Lourenço do Sul*
  19. Torres
  20. Venâncio Aires

Notícias

15 de Dezembro de 2017

Empresas da saúde conquistam resultados com projeto do Sebrae RS

SAIBA MAIS

 

14 de Dezembro de 2017

Sebrae RS disponibiliza conteúdo online gratuito

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 15/12/2017 15:14

Palestra traz impactos de novo sistema para pequenas empresas

Sebrae RS Podcast 15/12/2017 11:48

Pizzaria se moderniza inspirada em poesia, com apoio do Sebrae